Disciplinas oferecidas conjuntamente:
JC003/A
JC008/A
JC020/A
JC101/A
JC102/A

Tópicos de Divulgação Científica e Cultural II


JC102/A | Tópicos de Divulgação Científica e Cultural II
Docente: Profs. Drs. Simone Pallone de Figueiredo e Marcelo Knobel
E-mail para contato: spallone@unicamp.br
Horário: quinta-feira - 08:00-12:00
Local: Sala de aula do Labjor


Semestres em que a disciplina foi oferecida: 2018 - 2º Semestre,

Comunicação e Percepção Pública da Ciência e da Tecnologia

Se insere no campo dos Estudos Sociais de Ciência e Tecnologia e busca, de modo geral, investigar as relações entre ciência, tecnologia e sociedade. Entender essas relações é um desafio complexo, mas fundamental, porque permite observar como a ciência e a tecnologia ganham destaque no cotidiano das pessoas. A presente disciplina pretende adentrar o universo da PPCT. Traz um histórico da área e propõe analisar pesquisas já realizadas e suas evoluções, em relação a metodologias e dimensões de análises. Será uma oportunidade de aprender a construir questionários, avaliar os resultados e conhecer métodos estatísticos que são utilizados na área. O curso deverá investir na análise dos indicadores de conhecimento, interesse e atitude, e também as limitações das pesquisas e resultados.

Bibliografia resumida:

BAUER, M. W. The evolution of public understanding of science – discourse and comparative evidence. Science, technology and society, 14 (2). pp. 221-240. ISSN 0971-7218, 2009.

BAUER, M. W., & JENSEN, P. The mobilization of scientists for public engagement. Public Understanding of Science, 20(1), 3, 2011.

FECYT. Apuntes sobre los estudios de percepción social de la ciencia y la tecnología. S/d Disponível em: http://www.upf.edu/pcstacademy/_docs/ApuntesFecyt.pdf

GÜNTHER, H. Como elaborar um questionário. Brasília: UnB, Laboratório de Psicologia Ambiental, 2003.

GODIN, B., GINGRAS, Y. “What is scientific and technological culture and how is it measured? A multidimensional model”, Public Understanding of Science 9: 43–58, 2000.

LEWESTEIN, B.V. Models of public communication of science and technology. Public Understanding of Science, Ithaca, p.01-11, 16 jul. 2003. Disponível em: http://www.dgdc.unam.mx/Assets/pdfs/sem_feb04.pdf Acesso em: mar. 2012.

LOZANO-BORDA, M.M. Actividades de apropiación social de la ciencia y la tecnología y los espacios de encuentro con los públicos en Colombia una mirada a los proyectos apoyados por colciencias 2005-2010″. En: Colombia Folios ISSN: 0123-1022 ed: Editorial Universidad de Antioquia, v.25 fasc.1 p.165 – 191, 2011. Disponível em: http://aprendeenlinea.udea.edu.co/revistas/index.php/folios/article/view/10606/9729. Acesso em: 04 de abril de 2016.

NAVAS, A. M. Concepções de popularização da C&T no discurso político: impactos nos museus de ciências. 2008. 126 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

PARDO, R.; CALVO, F. The cognitive dimension of public perceptions of science: methodological issues. Public Understanding of Science, 13 (2004) 203-227.

POLINO, C.; FAZIO, M. E.; CASTELFRANCHI, Y. Surveys on the public perception of science in Ibero-American countries: the RICYT’s experience, Documento de trabalho, nº 21, Redes – Centro de Estudios sobre Ciencia, Desarrollo y Educación Superior, 2005. Disponível em: http://www3.centroredes.org.ar/files/documentos/Doc.Nro21.pdf Acesso em: mar. 2012.

Polino, C. (2014), “Percepción social de la profesión y las carreras científicas. La situación en Argentina y España”, en Percepción Social de la Ciencia y la Tecnología en España – 2012, Madrid, Fundación Española de Ciencia y Tecnología (FECYT).

Polino, C. (2012), “Información y actitudes hacia la ciencia y la tecnología en Argentina y Brasil. Indicadores seleccionados y comparación con Iberoamérica y Europa”, en El Estado de la Ciencia. Principales indicadores de ciencia y tecnología Iberoamericanos / Interamericanos, Buenos Aires, RICYT.

RICYT – Red Iberoamericana de Indicadores de Ciencia y Tecnología. Manual de Antigua: indicadores de percepción pública de la ciencia y la tecnología; Carmelo Polino (coord.) – 1a ed. – Ciudad Autónoma de Buenos Aires: Red Iberoamericana de Indicadores de Ciencia y Tecnología, 2015. E-Book.

VOGT, C.; POLINO, C. (Orgs). Percepção pública da ciência: resultados da pesquisa na Argentina, Brasil, Espanha e Uruguai. Ed. da Unicamp, São Paulo,

FAPESP, 2003. VOGT, C. et al. Percepção pública da ciência: uma revisão metodológica e resultados para São Paulo, In: LANDI, R., GUSMÃO, R. (Coord.). Indicadores de ciência, tecnologia e inovação em São Paulo, São Paulo: Fapesp, 2005.

VOGT, C.; Morales, A.P. O discurso dos indicadores de C&T e de percepção de C&T. Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI) e Editora Catarata, 2016.

O Labjor é um centro de referência para a formação e para os estudos em divulgação científica e cultural. Oferece, de forma multidisciplinar, cursos de pós-graduação, e proporciona pesquisas e produtos culturais que contribuem para a análise da dinâmica das relações entre ciência e sociedade.
Universidade Estadual de Campinas - Unicamp
Rua Seis de Agosto, 50 - 3º piso - CEP: 13083-873
Fones: (19) 3521-2584 / 3521-2585 / 3521-2586 / 3521-2588 Fax: (19) 3521-2599
LABORATÓRIO DE ESTUDOS AVANÇADOS EM JORNALISMO - UNICAMP