Disciplinas oferecidas conjuntamente:
JC 004
JC 002
JC 003
JC 008
JC 001

Tópicos atuais em jornalismo científico e cultural


JC 008 | Tópicos atuais em jornalismo científico e cultural
Docente: Prof. Graça Caldas e Prof. Dr. Celso Bodstein
Horário: Quarta-feira - 9h às 13h
Local: Labjor


Semestres em que a disciplina foi oferecida: 2012 - 1º Semestre,

Jornalismo científico: Graça Caldas

Os desafios da Divulgação e do Jornalismo Científico numa perspectiva histórico-crítica: visão política, econômica e social.  Comunicação Pública da Ciência: a responsabilidade social do cientista e do jornalista. Ciência como atividade humana. Ciência e interesse público X privado. Ciência, Tecnologia e Inovação na mídia: reflexões possíveis. Ciência e Jornalismo: relações de poder e ideologia. Discurso Científico x Discurso Jornalístico. Ciência e imaginário social. Percepção pública da CT&I. Ciência e ética. Jornalismo e ética. Ciência, Educação e Cultura. Ações e controvérsias na divulgação científica. Entre a teoria e a práxis da divulgação científica.

Bibliografia básica:
BOURDIEU, Pierre. Os usos sociais da Ciência. Por uma sociologia clínica do campo científico. Editora da Unesp, 2003,
CALDAS, Graça. Mídia e Memória: a construção coletiva da história e o papel do jornalista como historiador do cotidiano. In BEZZON, Lara, Crivelaro (org.). Comunicação, Política e Sociedade. Editora Alínea, Campinas, 2004.
CASTORIADIS, Cornelius. A Instituição Imaginária da Sociedade.  Editora Paz e Terra, Rio de Janeiro, 1986.
CHARAUDEAU, Patrick. Linguagem e Discurso: modos de organização. Contexto, SP. 2008.
GRANGER, Gilles Gaston. A ciência e as ciências. Tradução de Roberto Leal Ferreira. Editora da Universidade Estadual Paulista, SP, 1994.
KNELLER, Douglas. A Cultura da Mídia. Edusc, Bauru, SP, 2001.
KNELLER, George. F. A Ciência como atividade humana. RJ & SP: Zahar & Edusp, 1980.
HELLMAN, H. Grandes debates da Ciência. Tradução, José Oscar de Almeida Marques. São Paulo: Editora UNESP, 1999. 277p.
LATOUR, Bruno e WOOLGAR, Steve. Vida em Laboratório. A produção dos fatos científicos. Releume, Rio de Janeiro, 1997.
LE GOFF, Jacques, et alii. A Nova História. Edições 79, SP, 1980.
MACHADO, Roberto. Ciência e Saber. A trajetória da arqueologia de Michel Foucault. Edições Graal, Rio de Janeiro. 1981.
MORIN, E. A religação dos Saberes: o desafio do século XXI. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2001.
POINCARÈ, Henri. O valor da Ciência. Trad. Maria Helena Martins. Rio de Janeiro: Contraponto, 1995.
ROQUEPLO, Phhilippe. La partage du Savoir. Science, Culture, Vugarisation. Seuil, Paris, 1974.
ZAMBONI, L.M.S. Cientistas, Jornalistas e a Divulgação Científica – subjetividade e heterogeneidade no discurso da divulgação científica. São Paulo: FAPESP/Editora Autores Associados, 2001. 270p.
ZIMAN, John. A força do conhecimento. Tradução de Eugênio Amado. Editora Itatiaia. Belo Horizonte e Editora da Universidade de São Paulo. 1981.

Jornalismo Cultural: Celso Bodstein

Ementa: Compreendendo o Jornalismo Cultural como prática de absorção e mediação de significados complexos e subliminares da cultura, diferenciada do conceito de jornalismo factual, o curso quer  evidenciar como tal proposta foi sendo construída a partir de múltiplas denotações, até uma estética que se faz no contemporâneo. Nesse trajeto é imprescindível detectar ruídos que condicionam, muitas vezes, o JC a um exercício de conformação aos produtos da chamada indústria cultural. Em contraponto, faz-se necessário compreender a organização editorial da cultura como lugar de intervenção social, re-definidor de condutas e revelador anárquico de moralidades.

Bibliografia básica:
ARNT, Héris. A influência da literatura no jornalismo: O folhetim e a crônica. Rio de Janeiro: e-papers, 2001.
AZZOLINO, Adriana Pessatte. Sete propostas para o jornalismo cultural. Miró Editorial, Belo Horizonte, 2004.
BALZAC, Honoré de. Ilusões perdidas. São Paulo: Companhia das Letras, s.d.
BENTZ, Ione (org). Tensões e objetos de pesquisa em Comunicação. Porto Alegre, Sulina, 2002
CANCLINI, Néstor García. Como se ocupan los médios de la información cultural. 1999. Publicado na revista eletrônica etecétera (www.etcetera.com.mx).
CAPOTE, Truman. A sangue frio. São Paulo, Cia das Letras, 2003
CULT. Dossiê do 3° Congresso de Jornalismo Cultural, São Paulo,Editora Bregantini, 2010
LINDOSO, Felipe (org). Rumos do jornalismo cultural. Summus, São Paulo, 2007.
SILVA, Juremir Machado da. A miséria do jornalismo brasileiro – As (in)certezas da mídia. Petrópolis: Vozes, 2000
NESTROVSKI, Arthur(org). Em branco e preto. Publifolha. São Paulo, 2004

O Labjor é um centro de referência para a formação e para os estudos em divulgação científica e cultural. Oferece, de forma multidisciplinar, cursos de pós-graduação, e proporciona pesquisas e produtos culturais que contribuem para a análise da dinâmica das relações entre ciência e sociedade.
Universidade Estadual de Campinas - Unicamp
Rua Seis de Agosto, 50 - 3º piso - CEP: 13083-873
Fones: (19) 3521-2584 / 3521-2585 / 3521-2586 / 3521-2588
Ver endereço para envio de correspondências
LABORATÓRIO DE ESTUDOS AVANÇADOS EM JORNALISMO - UNICAMP